Biblioteca Florestal
Digital

Estudo da dispersão de sementes, banco de sementes e regeneração natural de três espécies arbóreas da caatinga

Show simple item record

dc.contributor.advisor Bakke, Ivonete Alves
dc.contributor.author Silva, José Evanaldo Rangel da
dc.date.accessioned 2014-05-08T11:44:57Z
dc.date.available 2014-05-08T11:44:57Z
dc.date.issued 2010-07-07
dc.identifier.citation SILVA, J. E. R. Estudo da dispersão de sementes, banco de sementes e regeneração natural de três espécies arbóreas da caatinga. 2010. 43 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Centro de Saúde e Tecnologia Rural, Universidade Federal de Campina Grande, Patos. 2010. pt_BR
dc.identifier.uri http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/handle/123456789/8343
dc.description Trabalho de Conclusão de Curso defendido no Centro de Saúde e Tecnologia Rural da Universidade Federal de Campina Grande pt_BR
dc.description.abstract Estudos do padrão de dispersão, banco de sementes e regeneração natural são fundamentais para o entendimento da estrutura da floresta e da distribuição das espécies presentes em uma determinada área. As espécies cumaru (Amburana cearensis) aroeira (Myracrodruon urundeuva) e ipê-roxo (Handroanthus impetiginosus), selecionadas para este estudo, são componentes da caatinga arbórea consideradas de alto potencial, porém pouco estudadas quanto à sua ecologia. Este trabalho tem como objetivo avaliar a regeneração natural destas três espécies em uma área de caatinga preservada, no que se refere ao padrão natural de produção e dispersão de sementes, banco de sementes antes e após a dispersão, sobrevivência das plântulas germinadas no campo durante a estação chuvosa de dois anos consecutivos, e estratificação dos indivíduos em diferentes estádios de crescimento. O trabalho foi dividido em três etapas. A primeira constituiu da seleção das árvores, demarcação dos pontos, coleta de serapilheira logo após a dispersão das sementes e condução do experimento no viveiro. Na segunda, foi acompanhada a germinação das sementes e desenvolvimento das plântulas no campo. E a terceira consistiu da contagem e classificação em diâmetro e altura dos indivíduos no campo. Os resultados mostraram que a dispersão das sementes de cumaru ocorre mais ao norte em relação à árvore matriz, a da aroeira ao oeste, e a do ipê-roxo no norte, provavelmente pela ação dos ventos predominantes no período e local da dispersão. A germinação ocorreu prontamente e mais de 75% das plântulas apareceram nas primeiras quatro semanas sob condições de viveiro, enquanto sob condições de campo, a germinação das sementes iniciou-se logo após as primeiras chuvas e foi observada por um período mais prolongado. Houve predominância de indivíduos nas menores classes de diâmetro e altura para as três espécies. Dentre as espécies estudadas, o cumaru contribuiu com maior número de indivíduos. pt_BR
dc.description.abstract Studies on the pattern of seed dispersion, seed bank and natural regeneration are fundamental for the understanding of forest structure and species distribution of an area. Although the selected tree species considered in this study (Amburana cearensis, Myracrodruon urundeuva, and Handroanthus impetiginosus) are components of the caatinga forest that show high potential for wood production, their ecological behavior is not clearly determined. This study has the objective to evaluate the natural regeneration of these three tree species in a preserved caatinga forest, specifically their seed production and seed dispersion patterns, seed bank before and after seed dispersion, survival of plantules germinated during the raining season of two consecutive years and stratification. The study was divided in three phases. The first consisted of tree selection, point location, litter collection just after seed dispersion and greenhouse experiment. During the second phase, seed germination and plantule development were monitored. In the last one, counting and diameter and height measurements were performed. Seed dispersion showed to be stronger to the northern, western, and northern portion under the canopy of the A. cearencis, M. urundeuva and H. impetiginosus seed producer trees, respectively, probably due to the wind observed locally and at the period of seed dispersion. Germination begun promptly and more than 75% of the plantules germinated during a 4-week period under greenhouse condition. Under natural condition in the forest floor, seed germination begun after the first rains, although showing a delay to begin and lasting longer than under greenhouse conditions. Shorter and thinner individuals of the three tree species predominated over the higher and thicker ones. Amburana cearencis contributed with more individuals than Myracrodruon urundeuva and Handroanthus impetiginosus. pt_BR
dc.format 43 folhas pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Campina Grande pt_BR
dc.subject.classification Ciências Florestais::Meio ambiente::Ecologia e ecossistemas florestais pt_BR
dc.title Estudo da dispersão de sementes, banco de sementes e regeneração natural de três espécies arbóreas da caatinga pt_BR
dc.title Study of seed dispersion, seed bank and natural regeneration of three tree caatinga species pt_BR
dc.type TCC pt_BR

Files in this item

Files Size Format View
2010_Estudo-da- ... tural-de-três-espécies.pdf 1.136Mb application/pdf View/Open ou Pre-visualizar

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Sobre a Biblioteca Florestal

Browse

My Account